top of page
Buscar
  • Foto do escritorEditora Pedregulho

Lançamento e roda de conversa sobre o livro "Fogo de Palha”

segundo livro da escritora capixaba Carla Guerson será lançado e evento promete conversa sobre temas contemporâneos ligados à vida da mulher na sociedade, como autoimagem, maternidade, aceitação, saúde mental, envelhecimento, finitude, entre outros.


No dia 03 de outubro, terça-feira, às 18h30, a Biblioteca Pública do Espírito Santo, na Praia do Suá, recebe a escritora capixaba Carla Guerson para uma roda de conversa sobre o seu segundo livro, Fogo de Palha.


O livro foi premiado pelo edital de incentivo à literatura da Secretaria de Cultura do Estado do Espírito Santo e publicado pela Editora Pedregulho, editora capixaba que tem se destacado no ramo da poesia. A orelha foi assinada pela poeta e atriz capixaba Suely Bispo. “Eu quis fazer uma obra com mulheres capixabas envolvidas em todas as etapas. Desde a capa, à edição, textos de apoio, tudo. Tanto para incentivar como para reconhecer que estou aqui e sou fruto de tudo isso, sou fruto e me apoio nessas mulheres que, assim como eu, tem resistido em um Estado pequeno, conservador e com pouco incentivo à cultura. Mas nós estamos aqui, existimos e resistimos. Tenho muito orgulho de fazer parte do cenário literário capixaba” – afirma Carla.


Dona de uma escrita forte, mas sem deixar de lado a sensibilidade, Carla se firma como uma importante voz no cenário da literatura produzida por mulheres no Espírito Santo. Sua escrita aborda assuntos cotidianos e recorrentes na vida das mulheres, trazendo narrativas inspiradas em experiências próprias e alheias. Em “Fogo de Palha”, seu primeiro livro de poesia, a autora traz questões que impactam a vida das mulheres de sua geração. Morte e vida, amores e desamores, autodescoberta, maternidade, aceitação, solidão, envelhecimento, finitude e outros temas são retratados pelo olhar apurado da poeta.


“Este é o meu primeiro livro, na verdade, embora publicado depois de O som do tapa. Aqui estão os meus primeiros escritos, os riscos, as falhas, as tentativas. Minha linguagem inicial sempre foi a poesia, embora eu ainda tenha receio de pisar nesse território que me parece sagrado e me denominar poeta”, diz a autora.


A escritora conta que o livro é resultado de 40 anos de observação, dores e experimentação artística, que resultaram numa obra dividida em três seções: Por se sentir inadequada – que retrata o sentimento diante da morte, da impermanência e da finitude; Na hora de fazer não doeu – onde a autora disseca a maternidade de uma forma não convencional e Cansei de performar – onde aborda questões relativas ao corpo feminino, machismo estrutural e pressão estética.


A roda de conversa será mediada pela escritora e editora Marilia Cafe. Os vinte primeiros participantes a chegarem no local receberão um exemplar do livro de cortesia.


O livro está à venda no site da editora Pedregulho, onde você também pode conferir um dos poemas que o integram. Acesse pelo link: https://www.lojapedregulho.com.br/fogo-de-palha


Sobre a autora:

Carla Guerson é escritora, feminista, geminiana, incomodada. Capixaba, nascida e criada em Vitória/ES, onde reside. . Escreve em verso e prosa. É autora do livro O som do tapa (contos, Ed. Patuá, 2021). Fogo de Palha é seu primeiro livro em versos.

Para maiores informações, conheça a página da autora no Instagram:





--- * ---



Serviço:

Roda de conversa

Dia 03/10, terça feira, às 18h30

Biblioteca Pública do Espírito Santo

Praia do Suá - Vitória - ES


Dados do livro:

Título: Fogo de Palha

Autor: Carla Guerson

Selo: Pedregulho

Preço de capa: 45,00

Gênero: poesia


12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page